Você e seu cavalo no Hipismo & Co:
Ana Luiza Cruz Freitas

Hoje é terça feira e é dia de entrevista aqui no Hipismo & Co.

Quem respondeu as perguntas dessa vez foi a jovem praticante de hipismo Ana Luiza.

hipismo

 

Nome:
Ana Luiza Cruz Freitas
Nome do cavalo:
Boa Pinta
Onde monta:
Sociedade Hípica Brasileira, Rio de Janeiro
Modalidade/Altura/Categoria:
Salto/1.10/Jovens Cavaleiros A
Quando você começou no hipismo? Você se lembra da primeira vez em uma hípica?
Comecei oficialmente em 2010 mas fiz minhas primeiras aulas em 2008 em uma hípica em Angra dos Reis quando me hospedei no hotel Safari Porto Bello. Lembro-me perfeitamente da minha primeira vez na hípica de Angra,na época não tinha nenhuma esperança de começar no esporte pois meus pais nunca foram próximos de cavalos, até que um dia, depois de pedir muito a minha mãe, fiz minha primeira aula na SHB em 2009, depois de um mês de aula ,levei um tombo e fraturei o úmero, fiquei 6 meses parada e então só voltei a ativa em 2010.
 
Qual foi sua prova inesquecível?
Com certeza foi o 2º dia do Campeonato Estadual de Escolas em 2012, eu vinha de 0 e havia ficado em 1º lugar no dia anterior, mas infelizmente perdi os estribos na curva pro último obstáculo e acabei saltando sem os mesmos e cai felizmente depois da bandeirola. Fiquei esperando os resultados e não escutei meu nome, achei que não havia classificado até que meu professor me ligou e avisou que era pra pedir pra trazer meu cavalo porque eu havia ganhado o Campeonato. Fiquei muito feliz, 2012 com certeza foi meu ano!
 
Você tem algum ritual antes da prova?
Gosto de conversar com meu cavalo no paddock e quando entro na pista antes e depois da prova faço o sinal da cruz.
 
Qual seu concurso preferido no Brasil?
Gosto muito do Aniversário da Sociedade Hípica Brasileira, do Internacional do Rio de Janeiro e do Oi Brasil Horse Show mas eu gostava mesmo do Athina Onassis Horse Show.
 
Existe alguma prova da qual gostaria muito de participar?
Nunca pensei muito nisso mas acho que se eu pudesse participar de alguma prova ou concurso seria o GCT (Global Champions Tour).
 
Qual seu ídolo no esporte?
Acho que essa é a resposta de muitos mas meu ídolo é o Marcus Ehning e me inspiro muito na Edwina Tops-Alexander, os dois dão uma aula de hipismo quando entram na pista.
 
O que você mais gosta no ambiente hípico? E o que você mudaria?
Gosto de praticamente tudo, mas muitas vezes a fofoca acaba com tudo que vejo de positivo no meio hípico.
 
Você tem alguma música ou filme que te inspira nos seus treinos? Qual?
Na verdade não, mas gosto muito dos filmes Secretariat e Flicka
 
Qual foi o cavalo que mais te deu alegria e porque?
Só tive um cavalo até hoje. Quando iniciei no esporte montei os cavalos da escolinha, sou grata a todos os cavalos que montei e pulei prova. Mas o cavalo que mais me deu alegria foi o meu, o Boa Pinta, que me ajudou em todos os momentos difíceis e me ajudou a subir de categoria e me fez subir no podium inúmeras vezes, foi o melhor professor que eu poderia ter na vida, sem ele nada seria possível!
 
O que seu cavalo representa pra você?
Meu cavalo representa o que eu sou, representa minha alma. Eu não seria nada sem ele, sou eternamente grata por tudo o que ele fez por mim e peço desculpas por todos os erros que cometi e ele me salvou. Meu coração pertence mais a ele do que a qualquer outra pessoa. Eu o amo!
hipismo hipismo hipismo hipismo hipismo

Veja as outras entrevistas da seção “Você e seu cavalo no Hipismo&Co” aqui.

Se quiser participar dessa seção. Nos envie suas respostas com no mínimo duas fotos para o e-mail contato@hipismoeco.com.br

Fotos: Arquivo Pessoal Ana Luiza

 

Curta o Hipismo&Co no Facebook.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...