Relacionamento com clientes do mercado equestre

Minha decepção com alguns profissionais do meio hípico, por falta de preparo no relacionamento com o cliente.

Eu sei, eu sei, estou sumida e em falta com esse blog. Mas eu voltei, e já começo o ano de 2019 com um desabafo. Vim aqui falar de algo que vem me atormentando dentro do meio hípico.

Já faz algum tempo que presencio fornecedores de serviços e produtos equestres que não sabem lidar com clientes, não sabem o significado de cordialidade e nem de educação. Sem contar que muitos são incompetentes no trabalho que prestam.

Não entendo o porque desse desleixo nesse meio, pois é um negócio rentável e promissor. Vejo muitas matérias em meios de comunicação importantes, que provam que o mercado hípico ainda é um dos que mais movimentam a economia no país.

Vejo profissionais não fazendo questão de agradar seus clientes, alguns chegam até a destratar o consumidor. Eu mesma passei por situações chatas, que me levaram a mudar de fornecedor pois o mesmo não parecia fazer questão de atender meu cavalo. Já ouvi relatos de pessoas que não são bem tratadas e que se sentem preteridas por profissionais do meio equestre.

Não estou me referindo somente a cavaleiros e instrutores, mas também outros profissionais do meio, como veterinários, vendedores de materiais hípicos, fornecedores de ração, ferreiros e outros. Acho que esses especialistas deviam pensar em fazer cursos de relacionamento ao cliente e aprender a tratar aqueles que pagam pelo seu sustento.  De nada adianta o profissional ser o melhor na sua área, mas não saber vender seu serviço ou ainda tratar com desdém as pessoas que o contratam.

O que me deixa chateada, é que eu, que também trabalho nesse meio e tenho como clientes pessoas do cavalo,  faço de tudo para executar o melhor serviço e dar assistência aos meus contratantes. Tenho cuidado com o meu pagador. Porém como consumidora, muitas vezes não recebi o atendimento que esperava ao contratar alguns profissionais hípicos.

Como me parece que  esses fornecedores ou técnicos do mercado do hipismo, não sabem como se relacionar com clientes, quero dar alguns conselhos a eles.

Vamos as dicas para um bom atendimento:

  • Saiba ouvir
  • Seja claro, objetivo e não minta
  • Se errar, assuma o erro e se desculpe
  • Coloque-se no lugar do cliente
  • Analise a situação de fora e veja se gostaria de passar por isso
  • Tenha iniciativa, mas não deixe de comunicar a sua ação
  • Honestidade e sinceridade são essenciais
  • Passe informações corretas e tente explicar o protocolo do seu serviço
  • Tenha atitude positiva e alegre
  • Estude a necessidade do seu cliente. Pergunte a si mesmo: Como posso ajudar essa pessoa e seu cavalo?
  • Conheça seu produto ou serviço
  • Tenha cuidado com sua aparência e postura
  • Comprometimento; se prometeu, faça
  • Tente não atrasar, mas se acontecer avise e se desculpe
  • Seja sempre educado e trate seu cliente com gentileza
  • Se o cliente vier com reclamações, escute, respire e veja como pode resolver o problema.

Talvez essas dicas pareçam bobas e óbvias, mas acho que muitos não se lembram delas ao se relacionar com seus fregueses. Então vale lembrar, é importante que o cliente sinta que do outro lado existem pessoas comprometidas em resolver o problema de verdade, transmitir as informações certas e tornar tudo mais fácil e efetivo. Os negócios mais duradouros e as melhores relações são feitos entre seres humanos, que gostam de ser acolhidos e bem tratados. Um bom relacionamento, trará frutos excelentes, conquistando fidelidade e trazendo indicações para potenciais clientes.

 

 

 

Hipismo, você está fazendo isso errado

Todas as pessoas do cavalo sabem que tem coisas que não devemos fazer perto de cavalos. Mas parece que os editoriais de moda adoram mostrar o errado.

Veja abaixo alguns ensaios fotográficos que ensinam como não fazer.

Usar vestido longo de gala na cocheira do seu cavalo.naofazer1

Deitar em cima do cavalo usando orelhinhas de gato.naofazer2

Selar um obstáculo e montar como se fosse um cavalo.naofazer3

Usar vestido esvoaçante na frente do seu cavalo, para ele pisar e te deixar sem roupa.naofazer4

Montar a cavalo vestindo mini saia e um chapéu com penas de ganso.
naofazer5

Fazer topless na hípica.naofazer6

Usar o cavalo de sofá enquanto você sensualiza para o paquera.
naofazer7

Carregar sua bolsa enquanto monta a cavalo.naofazer9

Deitar nos fardos de feno com sua melhor roupa.naofazer10

Montar de salto alto.naofazer11

Dormir na sela do seu cavalo.naofazer12

Usar as pernas do cavalo como encosto.naofazer13

Passear com seu cavalo no meio do trânsito.naofazer14

Conversa sobre cavalos e hipismo

conversa

Vamos conversar sobre cavalos?

Faz tempo que não venho aqui no blog. Como tenho interagido cada vez mais com meus seguidores nas redes sociais, em especial no Instagram, parece que vir aqui e falar o que já foi discutido por lá fica repetitivo. Por isso tive uma ideia, aqui no blog vou trazer assuntos que rendem uma discussão mais longa. Dessa maneira tenho mais espaço para detalhar os temas e sei que os textos e comentários ficarão aqui para quem quiser entrar na conversa.

Acredito que serão artigos mais técnicos, ou ainda polêmicos, afinal o hipismo é um tema bem controverso, não é mesmo?

Se você quiser aproveitar esse espaço para abrir um debate sobre algum assunto que lhe interesse no hipismo, não hesite em deixar um comentário com sua argumentação. Pois como sempre o Hipismo&Co está aberto para qualquer conversa saudável sobre cavalos e esportes equestres.

conversa

Hipismo e diversão na Hípica Paranaense

cavalo

As competições de hipismo também podem ser divertidas.

Me lembro das provas de hipismo show que faziam quando eu era criança. Tinha prova simultânea, de revezamento, a fantasia, com coringa e muitas outras competições divertidas.

No último final de semana, depois de muitos anos, voltamos a ter uma prova bem divertida na Hípica Paranaense. Foi uma competição a fantasia de duplas.

Era o encerramento do Ranking da Sociedade Hípica Paranaense e após o Grande Prêmio de 1,40m aconteceu a disputa de duplas fantasiadas. Foram 25 duplas muito animadas. O pessoal se empenhou muito, as fantasias estavam bem elaboradas e criativas. A competição foi acirrada na velocidade e o público vibrou na torcida.

hipismo
Carol e Claudete. As toureiras foram as campeãs da categoria luxo
Jóquei
Maurício de jóquei, correu como estivesse realmente em um páreo.
Fabi e Thalison de Game Of Thrones, trouxeram até o tratador Piti e os cachorrinhos para fazerem parte da equipe.
hipismo
Dani fez questão de saltar sem sela como realmente deve ser um conjunto indígena.
Bernardo incorporou o Faraó.
cavalo
Rafa de mulher maravilha e Naerobic de Super Man, voaram.
hípica
Adri e Flavio de gerreiros estavam perfeitos.
cavalos
Mayara e Diego, de Fiona e Sherek capricharam na pintura.

Fotos: Grace Cambraia

Cavalos bagunceiros da inglesa Jojo Solomon

Na sexta feira passada a amazona Jojo Solomon postou nas redes sociais um vídeos de seus cavalos invadindo o quarto de ração.

Jojo é uma amazona inglesa de CCE que tem um centro hípico cheio de animais. Ela flagrou dois de seus cavalos dentro do quarto de ração no meio da maior bagunça. A amazona registrou o momento em que ela encontra os dois dentro do pequeno quarto com tudo revirado e os dois com a maior cara de “não fui eu”.

Os cavalos que se chamam Jon Boy e Mini Ru, não ficaram contentes com apenas uma invasão e ontem repetiram o feito. Mais uma vez Jojo filmou e postou no Facebook.

Jojo que me desculpe mas foi muito engraçado ver aqueles dois animais de grande porte enfiados dentro do pequeno quarto com sacos de ração revirados e capas pisoteadas.

Os vídeos viraram sensação nas redes sociais e os dois equinos bagunceiros ficaram famosos de um dia para o outro.

Veja abaixo o vídeo da primeira invasão.

O segundo vídeo é ainda mais engraçado.

Depois de duas invasões Jojo colocou uma grade na frente da porta, parece que por enquanto ela resolveu o problema, até os dois malandros acharem uma maneira de entrarem no quarto para roubar mais comida.

cavalos

Se quiser acompanhar as aventuras de Jon Boy e Mini Ru, siga a página da Jojo no Facebook.

 

Pais do hipismo

Quem acompanha as competições de hipismo, já deve ter reparado nos pais dos cavaleiros e amazonas que torcem, cobram, apoiam, elogiam e criticam seus filhos da cerca.

Nos muitos anos que monto já vi todo o tipo de pai e mãe de atletas do hipismo. Por isso resolvi fazer uma lista com alguns dos pais do hipismo.

1 – Incentivador
Mesmo quando seu filho sai da pista com um péssimo resultado ele diz: – Muito bom meu filho!

2 – Cobrador
Esse adora lembrar seu filho o quanto gasta com os cavalos e quer ver bons resultados.

3 – Exigente
Quer ver seu filho ter sempre bons resultados e exige do filho a perfeição.

4 – Ausente
Normalmente é aquele pai que não gosta de cavalos e não vai assistir seu filho nas provas de hipismo.

5 – Nervoso
Parece que é ele que vai entrar em pista, sua frio, trem e salta apé na cerca assistindo seu filho durante o percurso.

6 – Medroso
Morre de medo de cavalos e tem pavor só de pensar que seu filho pode cair do cavalo. Faz a criança montar com todo o tipo de proteção além do capacete, como colete, cotoveleira, joelheira, air bag e muito mais.

7 – Coruja
Para ele seu filho é o melhor cavaleiro do mundo e o cavalo do filho é o mais lindo de todos.

8 – Briguento
Não aceita que seu filho perca e para coloca-lo no galope da vitória, briga no juri pelo resultado.

9 – Investidor
Compra os melhores cavalos, seu filho tem os equipamentos mais modernos e paga viagens para todo o tipo de competições.

10 – Sonhador
Almeja ver seu filho nas competições de ponta e quem sabe até nas olimpíadas.

11 – Pseudo cavaleiro
Não monta e nem nunca montou um cavalo, mas acha que entende tudo de hipismo e corrige o filho como se fosse o instrutor.

12 – Instrutor
Ao contrário do pseudo cavaleiro, ele monta, sabe muito sobre cavalo e passa seu conhecimento para o filho.

13 – Cheio de desculpas
Esse justifica as derrotas de seu filho. E muitas vezes culpa os outros por isso, com as frases: – “Ele estudou muito essa semana, não teve tempo para treinar”. – “O cavalo está doente”. – “O armador errou no percurso”. – “O juíz persegue meu filho”.

Se você conhece outros tipos de pais de cavaleiros ou amazonas, deixe aqui nos comentários sua contribuição para esse post. Vale mãe também.

pais do hipismo

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Eu falo com cavalos

Será que sou louca porque eu falo com cavalos?

Fico pensando se todo mundo que tem cavalos fala com eles como eu. Não tenho vergonha de falar que eu falo com cavalos. Pode parecer loucura, mas toda vez que chego no haras, vou direto na cocheira do meu cavalo, dou bom dia a ele e pergunto como está. Tudo bem, eu sei que ele não responde, pelo menos não com palavras. Mas acho que ele gosta dessa atenção.

Quem me acompanha no Snapchat (hipismoeco) já deve ter me visto batendo um papinho com o Mufassa.

E você, conversa com seu cavalo? Já foi chamado de louco por conta dessas conversas? Conta segredos ao seu amigo de quatro patas?

eu falo com cavalos

 

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Adicione o Hipismo&Co no Snap Chat @hipismoeco.

11 motivos pelos quais cavalos são um saco

Vi um vídeo feito por uma norte americana que falava que ter cavalos é uma droga.

A amazona revoltada fala em vídeo sobre vários pontos que fazem com que ter cavalos seja uma porcaria. Eu entendo que muitas dessas coisas que ela falou em seu canal são verdade, mas discordo que torne a convivência com cavalos uma droga.

1 – Ela fala que o cheiro de cavalo que fica na nossa roupa é uma droga.
Não acho, pois por mais que seja um cheiro ruim, me faz lembrar do meu querido cavalo.

2 – Segundo ela os pelos do cavalo por todos os lados é um problema.
Eu não ligo a mínima para esses pelos, assim como o cheiro é algo que me faz lembrar do meu amado. Mas de qualquer forma os pelos só ficam na roupa que uso no Haras e para não espalhar os pelinhos por toda a minha casa, é só chegar e já tirar o culote e camisa, entrar no banho e deixar as roupas para lavar.

3 – Selas pesadas em cavalos altos parecem incomodar a amazona.
Meu cavalo é alto e realmente as vezes é difícil colocar a sela nele, mas é só uma questão de jeito e quando consigo de primeira é um desafio realizado.

4 – Contas a pagar são uma droga.
Concordo que pagara as contas que vem com ter um cavalo não é algo agradável, mas tudo na vida infelizmente tem um preço. Eu sei que manter um cavalo pode ser bem caro, mas não ligo de economizar para poder ter o prazer de conviver diariamente com meu equino favorito. Pode me chamar de louca, mas deixo de fazer uma viagem de férias para pagar as contas do Haras.

5 – Ela odeia sujar os sapatos de areia e barro.
Achei que dessa vez ela foi um pouco fresquinha, quem tem cavalos não devia ter problemas com sujar um pouco as solas dos sapatos.

6 – Montar no frio congelante.
Tá bom, esse item deve ser bem pior por lá, pois com neve realmente não deve ser fácil. Mas mesmo aqui no Brasil, nos dias de inverno quando o frio pela manhã está de doer, não ligo de ir ver meu cavalo no Haras, acharia ruim se fosse sair da cama no frio para correr uma maratona ou nadar em uma piscina gelada.

7 – Desorganização no quarto de sela.
Bem, não precisa ter cavalos para viver na bagunça, quem não é organizado vai sofrer com isso em todos os lugares. Falo de carteirinha porque eu sou desse tipo bagunceiro.

8 – Material que quebra é uma droga.
Uma cabeçada que arrebenta, uma fivela de barrigueira que estoura realmente são um saco. Mas as coisas de sua casa também devem estragar, ou seja não precisa ter cavalos pra passar por situações como essa. E existem selarias que podem ajudar com conserto de equipamentos.

9 – Cheiro de esterco de cavalos incomoda a moça.
Não que seja um cheiro delicioso, mas eu sinceramente não me incomodo mais com isso. Depois de conviver com cavalos por mais de 20 anos é um cheiro bem familiar para meu olfato.

10 – Ela tem dificuldade para montar no cavalo sem ajuda de um banquinho.
Meu cavalo é bem alto, claro que sempre procuro uma escada ou banquinho para subir, mas senão tiver um apoio por perto ou alguém para me ajudar com um empurrãozinho, trabalho a minha flexibilidade e encaro o desafio. Não é um grande problema, não acham?

11 – Ela reclama das pessoas que se metem na sua equitação.
Esse é um problema do ser humano, não é algo exclusivo do meio hípico. Te garanto que as pessoas se metem na vida de todo mundo, não só dos que tem cavalos.

Enfim, eu não acho que ter cavalos é uma saco, bem pelo contrário acho maravilhoso e adoro todos esses pequenos probleminhas que vem junto com o hipismo. E você?

cavalos

 

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Adicione o Hipismo&Co no Snap Chat @hipismoeco.

Ganchos equestre para decoração

Ganchos para pendurar colares, ou bolsas ou o que você quiser.

Decoração equestre só fica completa com ganchos com cabeças de cavalos. Encontrei esses lindos cavalos que vem com ganchos no site ETSY.

Veja abaixo que lindos são esses ganchos que tem em três cores; Verde, azul e amarelo.

ganchos cavalos

 

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Cavalos a luz de velas

Castiçais para vela em formato de cavalos.

Adorei os cavalos para velas do site West Elm. Eles são de cerâmica, nas cores preta e branca, tem um furo onde a vela se encaixa e dão charme a qualquer decoração. Podem ser um toque especial em uma mesa para jantar a luz de vela ou ainda decorar uma sala de estar.

Uma pena que não tem em estoque agora.

Vejam abaixo que bonitinhos esses cavalinhos são.

cavalos

 

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...