Como fotografar cavalos

Você me conhece aqui do Hipismo&Co, mas talvez não saiba que sou fotógrafa e designer.

Na faculdade de design gráfico me interessei pela fotografia. Como sempre fui apaixonada por cavalos e pratico hipismo desde os 10 anos de idade, nada mais natural do que fotografá-los. Após fazer um curso com uma fotógrafa especializada em equinos, resolvi me aventurar nessa área profissionalmente e juntei as minhas duas paixões: Fotografia e cavalos. Buscando me aprimorar fiz cursos em Nova Iorque e de volta ao Brasil fiz pós -graduação em fotografia.

Sempre fotografando os cavalos, fiz imagens que me orgulho muito, como essas abaixo.

 

Como nos dias atuais todo mundo pode ter acesso a boas cameras e até os celulares fazem ótimas fotos, muitos querem fotografar eles mesmos seus cavalos. Por isso decidi ajudar essas pessoas a produzirem fotos perfeitas desses animais maravilhosos.

Criei estratégias para que mesmo quem não é fotógrafo, consiga fazer lindas fotos de cavalos. E quem sabe até se profissionalizar nessa área. Você só precisa amar os cavalos e praticar a fotografia com eles, o que tenho certeza não será um problema, já que isso significa ficar mais tempo com esses animais maravilhosos. Não é necessário ter uma camera profissional, até mesmo com seu celular as imagens podem ficar perfeitas.

Nas 26 páginas do e-book que escrevi, “Fotografia de Equinos – Como fotografar cavalos“, você terá dicas e macetes de fotografia equestre.

Se você quer entender que método é este, clique aqui nesse link, e descubra qual a condição especial que estou disponibilizando agora no lançamento do e-book “Fotografia de Equinos – Como fotografar cavalos”.

www.hipismoecoloja.com.br

Relacionamento com clientes do mercado equestre

Minha decepção com alguns profissionais do meio hípico, por falta de preparo no relacionamento com o cliente.

Eu sei, eu sei, estou sumida e em falta com esse blog. Mas eu voltei, e já começo o ano de 2019 com um desabafo. Vim aqui falar de algo que vem me atormentando dentro do meio hípico.

Já faz algum tempo que presencio fornecedores de serviços e produtos equestres que não sabem lidar com clientes, não sabem o significado de cordialidade e nem de educação. Sem contar que muitos são incompetentes no trabalho que prestam.

Não entendo o porque desse desleixo nesse meio, pois é um negócio rentável e promissor. Vejo muitas matérias em meios de comunicação importantes, que provam que o mercado hípico ainda é um dos que mais movimentam a economia no país.

Vejo profissionais não fazendo questão de agradar seus clientes, alguns chegam até a destratar o consumidor. Eu mesma passei por situações chatas, que me levaram a mudar de fornecedor pois o mesmo não parecia fazer questão de atender meu cavalo. Já ouvi relatos de pessoas que não são bem tratadas e que se sentem preteridas por profissionais do meio equestre.

Não estou me referindo somente a cavaleiros e instrutores, mas também outros profissionais do meio, como veterinários, vendedores de materiais hípicos, fornecedores de ração, ferreiros e outros. Acho que esses especialistas deviam pensar em fazer cursos de relacionamento ao cliente e aprender a tratar aqueles que pagam pelo seu sustento.  De nada adianta o profissional ser o melhor na sua área, mas não saber vender seu serviço ou ainda tratar com desdém as pessoas que o contratam.

O que me deixa chateada, é que eu, que também trabalho nesse meio e tenho como clientes pessoas do cavalo,  faço de tudo para executar o melhor serviço e dar assistência aos meus contratantes. Tenho cuidado com o meu pagador. Porém como consumidora, muitas vezes não recebi o atendimento que esperava ao contratar alguns profissionais hípicos.

Como me parece que  esses fornecedores ou técnicos do mercado do hipismo, não sabem como se relacionar com clientes, quero dar alguns conselhos a eles.

Vamos as dicas para um bom atendimento:

  • Saiba ouvir
  • Seja claro, objetivo e não minta
  • Se errar, assuma o erro e se desculpe
  • Coloque-se no lugar do cliente
  • Analise a situação de fora e veja se gostaria de passar por isso
  • Tenha iniciativa, mas não deixe de comunicar a sua ação
  • Honestidade e sinceridade são essenciais
  • Passe informações corretas e tente explicar o protocolo do seu serviço
  • Tenha atitude positiva e alegre
  • Estude a necessidade do seu cliente. Pergunte a si mesmo: Como posso ajudar essa pessoa e seu cavalo?
  • Conheça seu produto ou serviço
  • Tenha cuidado com sua aparência e postura
  • Comprometimento; se prometeu, faça
  • Tente não atrasar, mas se acontecer avise e se desculpe
  • Seja sempre educado e trate seu cliente com gentileza
  • Se o cliente vier com reclamações, escute, respire e veja como pode resolver o problema.

Talvez essas dicas pareçam bobas e óbvias, mas acho que muitos não se lembram delas ao se relacionar com seus fregueses. Então vale lembrar, é importante que o cliente sinta que do outro lado existem pessoas comprometidas em resolver o problema de verdade, transmitir as informações certas e tornar tudo mais fácil e efetivo. Os negócios mais duradouros e as melhores relações são feitos entre seres humanos, que gostam de ser acolhidos e bem tratados. Um bom relacionamento, trará frutos excelentes, conquistando fidelidade e trazendo indicações para potenciais clientes.

 

 

 

10 dicas para manutenção e limpeza das Cocheiras

cocheiras

Tenho me especializado em fazer a manutenção das cocheiras dos meus cavalos.

Sei que muitos cavaleiros e amazonas não são responsáveis pela limpeza das cocheiras (ou baias) de seus cavalos. Mas acredito que seja importante saber como se faz essa tarefa, pois se algum dia o funcionário responsável não aparecer, seus animais não irão ficar em uma cama suja e fedida.

As cocheiras devem ser locais arejados, limpos e confortáveis para o bem- estar dos equinos. Por isso devemos nos preocupar com a higiene dos nossos animais.

Se você está interessado em aprender como cuidar do seu cavalo, continue lendo pois tenho algumas dicas.

1 – Retire esterco e urina duas vezes ao dia. Se o cavalo passa mais tempo no piquete talvez uma vez ao dia seja o suficiente.

2 – Use um garfo para retirar o esterco.

4 – Com uma pá tire parte da serragem ou cepilho que está molhada de urina.

5 – Reponha o material que tirou com o mesmo material limpo para evitar desnível na cama.

6 – A serragem ou cepilho retirados da cama devem ser depositados em uma esterqueira longe das cocheiras.

7 – Retire todo o material da cocheira de 10 em 10 dias para fazer uma limpeza total da cama.

8 – Mantenha o cocho de água limpo e com água fresca.

9 – Retire o resto de ração do cocho e limpe sempre que possível com a ajuda de uma escova.

10 – Observe se as portas da cocheira, paredes e cochos estão livres de pregos, farpas ou objetos pontiagudos e cortantes.

Lembre que os cuidados com a cama e cocheira podem prevenir inúmeras doenças, aumentam o bem-estar e conforto do cavalo. Além disso pode ser mais um momento de interação e afinidade com seu cavalo.

cocheiras

Dia dos namorados – presente perfeito para amantes do cavalo

O dia dos namorados está chegando, já pensou no presente para sua namorada ou seu namorado?

Na loja Hipismo&Co você pode encontrar presentes ideais para o dia dos namorados.

Se sua namorada pratica hipismo e gosta de estar impecável nas pistas?
Para ela a Hipismo&Co tem casacas e culotes.

Culote Jeans Dressur by Cavallus
Casaca Dressur

Seu namorado monta e sempre deixa as botas largadas de qualquer jeito?
Para ele, um suporte de botas, que vai evitar que as botas fiquem amassadas e marcadas no cano.

namorados
Suporte para botas de hipismo

Sua namorada adora acessórios?
Você pode montar um kit de pulseiras com pingentes equestres ou ainda, comprar um lenço com cavalinhos.

namorados
Lenço Empório Caron
Pulseiras reguláveis

A casa da sua namorada tem decoração com tema equestre?
Ela vai adorar as almofadas com estampa de cavalo e as cestas de crochê com detalhe de bridão.

Almofada estampada com cavalos
Cestas de crochê

Além de gostar de cavalos sua companheira gosta de bolsas?
Então, as bolsas estampadas com cavalos vão fazer a cabeça da sua namorada.

Bolsas Empório Caron

Quer dar um presente para sua namorada abraçar e lembrar de você?
O cavalinho de crochê vai ser perfeito para sua amada.

Amirgurumi Little Ponêi
Cavalinho de crochê

Mais uma dica para os namorados que tem cavalos.
Cabeçadas para os cavalos vão agradar não só o namorado como o cavalos tambpem.

Cabeçada Bombê TackPro

Espero que tenha ajudado, na escolha do presente perfeito para o Dia dos Namorados.

Montar cavalos sem dinheiro

montar

Recebo muitas mensagens com a mesma pergunta. “Como posso montar cavalos senão tenho condição financeira para bancar aulas de equitação?”

Aulas de equitação, não são baratas e os custos com cavalos são caros. Mas eu dou algumas dicas para quem quer montar e não tem como pagar uma escola de hipismo.

Para poder ser mais explicativa resolvi gravar um vídeo, para responder a essas mensagens de pessoas que amam cavalos, mas não tem dinheiro para ter um.

Veja o vídeo abaixo e me diga se as dicas foram interessantes.

montar

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Planejar seu ano novo com cavalos

Ano novo começou e é hora de se organizar e planejar suas metas e objetivos.

Todo ano tento me organizar melhor nas atividades com meus cavalos. Em 2015 criei um Horse Planner para tentar planejar o trabalho e o trato com o Mufassa. Mas confesso que não levei muito a sério e deixei de lado o Planner. Mas esse ano estou com dois cavalos e vi que tenho necessidade de estar mais organizada, por isso resolvi voltar com o Horse Planner.

Veja abaixo o vídeo que fiz mostrando o Horse Planner.

planejar

Baixe o Horse Planner aqui http://bit.ly/2iiKf8F

Não esqueça de se inscrever no canal do Hipismo&Co no YouTube. www.youtube.com/hipismoeco

Porque os cavalos falam não

Se você pede algo ao seu cavalo e ele diz não, resistindo ao exercício, normalmente existem algumas razões para isso.

Segundo Tim Hayes, que faz trabalho de horsemanship em cavalos, são 4 as que fazem os equinos dizerem não.

1 – Dor
Se o cavalo tem algo que dói, ele não vai querer fazer algo que o faça sentir ainda mais dor. Por isso é bom checar com um veterinário se está tudo bem com seu animal.

2 – Desentendimento
Talvez seu pedido não foi claro e o cavalo entendeu errado o que você está solicitando.  Se você pede para ele galopar e ele fica no trote, veja se seu pedido não está incorreto.

3 – Medo
Os cavalos são presas na natureza, então quando ele sente medo ele só pensará em fugir para sobreviver. Dessa maneira não irá se concentrar no exercício, pois ele quer fugir do que está lhe amedrontando. Um barulho estranho ou uma sacola de plástico pode tirar o animal do foco do exercício.

4 – Desrespeito
Se o animal não está com dor, seus comandos estão corretos e não tem nada colocando medo no seu cavalo, talvez ele possa não estar lhe respeitando e não o vê como líder.

Observe esses pontos para ter uma melhor comunicação com seu animal. Cada um desses pontos tem uma solução diferente. Quando você entende o problema que faz com que seu cavalo diga não, você terá  um relacionamento muito melhor com ele.

sayno

Veja alguns artigo escritos pelo Tim Hayes no site www.hayesisforhorses.com

Rédeas, como segurar corretamente

Você sabe segurar as rédeas?

Segurar as rédeas parece ser algo simples. Mas é muito comum ver pessoas segurando de maneira incorreta e comprometendo o contato com o cavalo.

Você pode dizer que é bobagem e que cada um escolhe a maneira de pegar as rédeas. Pode até ser, porém se você segurar-las com os dedos abertos e sem prender entre o polegar e o indicador, suas rédeas irão escorregar. Mantendo os dedões para cima, como se estivesse segurando uma caneca, a posição dos seus braços ficaram corretas, auxiliando a flexibilidade dos cotovelos.

Vejam abaixo algumas imagens que mostram como segurar as rédeas.

hipismo
Maneira correta
rédeas
O dedão prende as rédeas para elas não escorregarem
rédeas
Como segurar 4 rédeas, (freio e bridão)
redeas4
Usar entre os dedos mindinho e o anelar ajuda a segurar com mais firmeza, pois temos mais força no anelar.
Cuidado para não quebrar o punho como nessa foto acima
Cuidado para não quebrar o punho como nessa foto acima
Também não vire o dedão para o lado, como pianista
Também não vire o dedão para o lado, como pianista

 

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Dúvidas sobre o hipismo

Com os Jogos Olímpicos, os esportes estão na mídia e pessoas leigas se interessam por esportes que são novos para eles, com isso várias dúvidas surgem.

Como já falei aqui tenho recebido muitas mensagens de interessados em praticar hipismo e com essas mensagens algumas dúvidas aparecem. Não sou só eu que tenho respondido perguntas sobre o hipismo. A minha leitora (que já virou uma amiga) Sarah também tem tirado dúvidas sobre esportes equestres.

Eu e a Sarah resolvemos tentar tirar essas dúvidas dos leigos no hipismo. Ainda não sabemos se será em forma de post ou de vídeo, mas queremos criar o #HipismoecoResponde. Para isso precisaremos da ajuda de vocês com as perguntas, podem ser dúvidas de pessoas que não praticam hipismo ou ainda aquela pergunta que quem já é do hipismo tem de algo específico sobre qualquer coisa relacionada a cavalos e os esportes equestres.

Claro que não saberemos responder todas as perguntas, mas iremos buscar especialistas para nos ajudar com as dúvidas. Então nos envie suas perguntas aqui nos comentários ou ainda se preferir pode enviar para o e-mail contato@hipismoeco.com.br

dúvidas

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Óleo de coco para cavalos

O óleo de coco virou mania nacional.

A modelo Yasmin Brunet divulga nas redes sociais o uso do óleo de coco de várias maneiras. Parece que agora quase todo mundo usa ou já usou pelo menos uma vez o tal óleo. Yasmin usa no cabelo, na pele e para cozinhar. Ela diz que hidrata e que é mais saudável que os outros óleos na comida.

Eu mesma já pensei em usar nos cabelos, mas ainda não tentei. Hoje encontrei no site gringo Savvy Horsewoman uma matéria mostrando várias maneiras de usar o óleo de coco nos cavalos. Falam em de usar como medicamento, para melhorar o sabor de suplementos e a maneira que mais me interessou, usar na crina do cavalo.

Quem conhece o Mufassa sabe o quanto sofro com a crina dele, que é volumosa, quebrada e crespa. Já tentei vários tipos de produtos e não melhorou a aparência da cabeleira do meu cavalo. Por isso acho que vou tentar o óleo de coco.

Assim que eu passar na crina do Mufassa venho aqui para contar o resultado para vocês.

óleo de coco

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...