Dicas para quem vai competir pela primeira vez no hipismo

dicas

Tenho algumas dicas para quem vai competir em provas de hipismo.

É sua primeira vez em uma prova de hipismo? Veja minhas dicas para os estreantes em competições equestre, principalmente na modalidade salto e adestramento.

Um dia antes da prova você já deve estar nervoso e deve se preparar para o grande dia. Não esqueça de separar seu uniforme e ver se está tudo limpo e arrumado. Verifique se a camisa está passada, se o culote está limpo, separe a gravata ou plastron, veja se casaca tem todos os botões, escolha as meias e luvas, não esqueça do capacete e das botas bem engraxadas.

Claro que além do seu uniforme, você deve ter certeza que o equipamento de seu cavalo também está em ordem. Cheque sela, loros, barrigueira, cabeçada, peitoral protetores de patas, como boleteiras, caneleiras ou ligas. Não deve ter material de couro partindo e tudo deve estar limpo.

Na noite anterior a competição, durma cedo, principalmente se sua prova for cedo. No dia acorde com antecedência para ter certeza que chegará na hora e com calma.

No caso da prova de salto, devesse chegar no local pelo menos 30 minutos antes do início para fazer o reconhecimento do percurso. Antes de entrar na pista para reconhecer veja na ordem de entrada qual é seu número para saber se deve ir montar seu cavalo logo após sair do reconhecimento ou aguardar um pouco. Normalmente devesse montar no animal para aquecer quando a competição está uns 10 cavaleiros antes da sua entrada. Porém isso depende de cada cavalo e instrutor, pois alguns animais precisam de mais tempo ou menos de aquecimento. Pergunte ao seu instrutor que horas deve ir montar e se dirigir a distensão.

No caso do adestramento verifique antes da prova qual é o seu horário de entrada e conhecendo seu animal saberá quantos minutos antes da sua entrada deve montar. Acontece o mesmo que no salto, alguns animais precisam de mais trabalho antes de sua prova outros podem precisar apenas de alguns minutos. Com base nisso programe que horas buscará sua montaria.

No aquecimento fique atento em qual é o número do conjunto que está em pista, para não perder sua vez. Alguns eventos tem juízes de paddock que chamam os cavaleiros para a pista, caso isso não ocorra, preste atenção na chamada do locutor da pista principal. Programe seu aquecimento para estar pronto e se dirigir ao paddock quando faltar dois conjunto antes da sua vez de entrar.

Depois de entrar em pista é só mostrar o que você e seu animal sabem e boa sorte.

dicas

 

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Adicione o Hipismo&Co no Snap Chat @hipismoeco.

 

Como se preparar para uma prova de hipismo

Independente da modalidade equestre na qual você for escolher competir, existe uma série de dicas que, com certeza, vão te ajudar a aproveitar ao máximo o tempo antes e durante a competição para que a experiência seja a melhor possível.

By Wilson Dias/ABr (Agência Brasil [1]) [CC BY 3.0 br ], via Wikimedia Commons
Alguns cavaleiros e amazonas muitas vezes praticam o hipismo exclusivamente de maneira amadora. Só que isto pode se tornar uma motivação ainda maior para realizar uma boa prova e encher a si mesmo, seus amigos e sua família de orgulho já que qualquer competição é uma oportunidade para comemorações.

Para literalmente qualquer área da vida em que você esteja tentando melhorar, não há dica melhor que praticar de maneira constante e com dedicação. Devido a natureza progressiva e exponencial do treinamento, uma treino constante e consciente pode transformar um iniciante em um expert.

Apesar disto, não basta apenas praticar com a mente ausente e focada em outras coisas pois este tipo de treino sem foco comprovadamente não traz benefícios na hora de desenvolver uma habilidade, por isto durante a prática é bom tentar entrar em um estado de flow.

O estado de “flow” é um momento no qual o praticante de uma atividade, que pode ser física, mental ou ambas, entra em um estado de imersão completa e integrada no qual tudo é realizado com segurança e fluidez e os resultados atingidos são objetivamente melhores que fora dele.

É possível induzir o flow, mas para isto é preciso reunir alguns pré-requisitos fundamentais. A tarefa sendo realizada precisa ter objetivos claros e um tempo de duração definido, a pessoa precisa estar concentrada de maneira profunda e esforçada nela e, principalmente, é preciso haver um feedback imediato sobre como a tarefa está sendo executada.

Mesmo com todo o treinamento do mundo, é completamente possível se sentir ansioso antes de um grande evento e todo mundo já teve que combater a ansiedade em algum ponto da carreira. Yuri Martins, competidor profissional de poker e vencedor de diversos prêmios, recentemente compartilhou uma excelente maneira de lidar com a ansiedade nestas situações.

A ansiedade normalmente aparece quando você se sente muito desafiado e acredita que seu nível técnico está abaixo dos adversários ou do desafio que você vai enfrentar. De acordo com ele, não faz sentido gastar energia com o que você não consegue controlar – quem são seus adversários e o que eles vão fazer por exemplo – então a melhor solução é extrair o máximo possível do que está acontecendo e usar o momento para aprender e tornar a situação agradável.

Se preparando de maneira correta e mantendo os sentimentos sob controle, você terá uma boa prova. E sempre é importante lembrar que independente do resultado, especialmente se for uma competição amadora, o que importa não é exatamente o lugar do competidor em relação a todos os outros, mas sim o quão bem ele foi em relação aos seus próprios resultados passados e o quanto ele ainda pode evoluir se continuar com o treinamento.

Uma ótima dica para colocar em prática nas competições de hipismo, foque em você e seu cavalo e não fique ansioso se preocupando com os resultados dos outros concorrentes. Faça sua parte e se desafie.

 

Hipismo e diversão na Hípica Paranaense

cavalo

As competições de hipismo também podem ser divertidas.

Me lembro das provas de hipismo show que faziam quando eu era criança. Tinha prova simultânea, de revezamento, a fantasia, com coringa e muitas outras competições divertidas.

No último final de semana, depois de muitos anos, voltamos a ter uma prova bem divertida na Hípica Paranaense. Foi uma competição a fantasia de duplas.

Era o encerramento do Ranking da Sociedade Hípica Paranaense e após o Grande Prêmio de 1,40m aconteceu a disputa de duplas fantasiadas. Foram 25 duplas muito animadas. O pessoal se empenhou muito, as fantasias estavam bem elaboradas e criativas. A competição foi acirrada na velocidade e o público vibrou na torcida.

hipismo
Carol e Claudete. As toureiras foram as campeãs da categoria luxo
Jóquei
Maurício de jóquei, correu como estivesse realmente em um páreo.
Fabi e Thalison de Game Of Thrones, trouxeram até o tratador Piti e os cachorrinhos para fazerem parte da equipe.
hipismo
Dani fez questão de saltar sem sela como realmente deve ser um conjunto indígena.
Bernardo incorporou o Faraó.
cavalo
Rafa de mulher maravilha e Naerobic de Super Man, voaram.
hípica
Adri e Flavio de gerreiros estavam perfeitos.
cavalos
Mayara e Diego, de Fiona e Sherek capricharam na pintura.

Aproveito esse post para parabenizar a diretoria da Sociedade Hípica Paranaense que vem fazendo um ótimo trabalho. Além do clube estar lindo, as contas em dia e a estrutura impecável, o clima no clube está mais amigável como pudemos ver nessa divertida competição.

Fotos: Grace Cambraia

10 dicas para quem não é do cavalo

Aquele amigo seu que não é do hipismo precisa de algumas dicas, para quando for lhe acompanhar nas competições.

Essas dicas servem também para namorados, namoradas e paquerinhas que estão querendo conquistar uma pessoa que pratica hipismo. Como daqui a pouco a temporada hípica irá começar, é melhor estar preparado.

1 – Não insista em ir comer antes da prova, pois ficamos concentrados e algumas vezes nervosos. Preferimos montar sem o peso da comida no estomago.

2 – Se formos mal na competição, não culpe o cavalo, e muito menos nós. Melhor nem falar nada por algumas horas depois da nossa derrota.

3 – Filme e fotografe nossa competição. Adoramos ter esses momentos registrados.

4 – Se estiver nos filmando e cairmos do cavalo, não pare de filmar. Entendemos sua preocupação, mas ver esse nosso momento “fail” nos fará rir depois que passar a raiva do tombo.

5 – Após uma prova espetacular, que nos dará uma linda medalha, não se acanhe e nos abrace, mesmo que estejamos suados e cheirando a cavalo.

6 – O mesmo serve para o nossos animais, mesmo que eles estejam suados e fedidos, você deve no mínimo dar um afago em seus pescoços, sem medo que eles babem em você.

7 – Se formos ao pódio, não ache que é nosso momento e queremos sair na foto sozinhos com nossos troféus. Queremos mesmo é que você e todos nossos amigos e familiares tomem conta da foto com muita alegria.

8 – Caímos, certifique-se que estamos bem, mas não esqueça de perguntar como está o cavalo.

9 – Não reclame que seu sapato sujou, vá preparado com um calçado que seja confortável e possa sujar de barro ou areia. (mulheres; nada de salto e homens; nada de sapatos de camurça)

10 – Após a competição, não pense que iremos sair correndo da hípica, gostamos de ficar por lá assistindo até a última prova. Muitas vezes queremos ficar ainda depois de tudo ter acabado, conversando com nossos amigos do hipismo. É melhor ir se acostumando, pois nossos finais de semana são quase sempre assim.

Com essas dicas espero ter ajudado aqueles que querem ter um relacionamento com atletas do hipismo. Mas se você acha que algum desses itens são difíceis de seguir, melhor desistir de conviver com pessoas do cavalo.

dicas

 

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Hipismo pode ser frustrante

Competições de hipismo nos ensinam a perder mais que do que ganhar, será que isso é sempre bom?

Acredito que competir no hipismo ou em qualquer outra modalidade esportiva sirva como um bom ensinamento para a vida. Porém tenho que falar um pouco do lado ruim desse esporte que tanto gosto.

Muitas vezes saímos frustrados da pista, com um resultado que não era o que esperávamos. Claro que isso também acontece em outros esportes, mas parece que a frustração no hipismo tem um peso maior.

Treinamos diariamente, suamos, caímos, levantamos, algumas vezes nos machucamos, investimos não só dinheiro como tempo e emoção, lidamos com situações muitas vezes complicadas, como: divergências com veterinário, desentendimento com treinador, teimosias do ferreiro e outros casos de stress que carregamos pelos nossos queridos companheiros de quatro patas. E erroneamente criamos expectativas em relação ao nossos animais, apostamos nossas fichas e esquecemos que apesar de todo esse empenho que temos, os nossos cavalos não sabem disso e só querem ser equinos.

Já nem sei quantas vezes sai da pista de competição com aquela cara de decepção, pois meu desempenho não foi o que eu esperava depois de me dedicar aos treinos, acho que nunca nos preparamos para uma derrota. Essa sensação costuma durar alguns dias após a prova,  mas é só voltar para a rotina de treino com meu cavalo que isso passa. Por isso acho que mesmo com essa frustração pós prova continuo amando o hipismo.

Se você assim como eu conhece esse sentimento, lhe dou uma dica, lembre que a parte mais importante do hipismo é o convívio com os cavalos. A competição é muito importante para nosso crescimento e pode nos deixar muito feliz quando saímos vitoriosos, mas não leve essa disputa tão a sério a ponto de desistir do esporte se algo dá errado. Persista e quem sabe poderá conquistar o lugar mais alto do pódio e além disso você terá algo para comemorar mais que uma medalha, a oportunidade de conviver com os animais mais maravilhosos que existem.

Eu continuo persistindo…

hipismo

 

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

 

 

 

Hipismo e sua modalidade salto em vídeo

Modalidade de hipismo salto em vídeo.

A Ideal Audiovisual produziu lindas imagens durante a 9ª Etapa do Ranking de Hipismo da Sociedade Hípica Paranaense e colocou elas em um filme que mostra um pouco do que é a modalidade salto.

Se você quer conhecer um pouco do mundo das competições de salto veja o vídeo abaixo.

Aproveite para se inscrever no canal do Hipismo&Co no Youtube.

hipismo

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

 

Imagens e edição de Gilberto José De Camargo Junior. (Ideal Audiovisual)

Lista de afazeres antes de uma competição de hipismo

Toda vez que vou fazer uma viagem para uma competição de hipismo me dou conta quantas coisas tenho que organizar para que tudo corra bem. Para isso fiz uma lista com alguns itens importantes que não devem ser esquecidos.

Veja a lista abaixo:

– Registro do animal e do cavaleiro na sua Federação.

– Exames de Anemia Infecciosa e Mormo em dia.

– Vacinas em dia.

– Contratar caminhão para transportar seu cavalo e retirar o Guia de Transito Animal (GTA).

– Checar os dias e horários de entrada e saída dos animais no local da competição.

– Pagar taxas de inscrição e estabulagem.

– Verificar equipamento do cavalo, se está tudo em ordem. Se a sela, cabeçada, rédeas e outros não necessitam de conserto.

– Separar manta e ligas limpas para a competição.

– Acertar um tratador para cuidar do seu companheiro durante a competição.

– Preparar o cavalo, aparando crina e ferrando corretamente.

– Comprar ração e feno o suficiente para os dias que o cavalo ficará fora de sua casa.

– Levar baldes ou cochos para alimentar seu animal.

– Juntar material para limpeza do animal e do equipamento, como escovas, esponjas, limpa cascos, shampoos e cera para couro.

– Comprar medicamentos caso necessário.

– Reservar hotel para você.

– Se escolher ir de avião, não esqueça de comprar suas passagens com antecedência. Se for de carro verifique se o automóvel está ok.

– Colocar em sua mala culotes para os dias de treino e para provas, camisas, meias e cinto. Sem esquecer da casaca.

E depois de tudo isso, é ir para a competição e boa sorte!

lista

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...