Charme e beleza nos atletas de pólo equestre

Navegando no site 30 Jardas encontrei homens com muito charme.

Alguém sabe me dizer porque os atletas de pólo equestre são bonitões e cheio de charme?

No site 30 Jardas, que é voltado para a comunidade do pólo brasileiro, vi muitas fotos de jogadores de pólo e cheguei a conclusão que a maioria tem muito charme. Acho que isso não é só com os atletas nacionais do pólo, pois já vi vários atletas lindos em partidas de equipes internacionais.

Acho que esse post vai agradar as amazonas. Elas vão adorar ver a seleção que fiz de fotos dos galãs do Pólo Equestre nacional.

polo equestre

homens

charme

polo_guys4

 

polo_guys5

polo_guys6

polo_guys7

polo

Guabi Polo Equestre campeão no Helvetia

Torneio Internacional Helvetia Polo

O Guabi Polo  – equipe de pólo equestre patrocinada pela Guabi – foi campeão nesse domingo, último dia 12, da primeira edição do International Helvetia Polo. A competição reuniu no Helvetia Polo 12 equipes com a obrigatoriedade de um estrangeiro por formação. As formações dos Blues (Guabi Polo) e das equipes Tigres e Cuatro Vientos venceram seus respectivos grupos e levaram de forma invicta o título da competição em Indaiatuba/SP.

O torneio internacional marcou a pré-estreia do novo uniforme do Guabi Polo, produzido para toda a temporada de 2015. Desenvolvido com tecido tecnológico que facilita a absorção do suor – e com diversos outros detalhes inspirados em uniformes de grandes equipes argentinas e britânicas -, o uniforme carrega no peito o novo brasão do Guabi Polo, totalmente reestilizado para ser devidamente tratado como grife. Além disso, a cor predominante é novamente o azul royal, em alusão e homenagem à alcunha que nossa equipe já havia recebido de torcedores: Os Blues (“Os azuis”, em inglês).

polo

Fonte: LN Comunicação

Siga o Hipismo&Co no Twitter.

Siga o Hipismo&Co no Instagram. @hipismoeco.

Inscreva-se no canal do Hipismo&Co no Youtube.

Adicione o SnapChat do Hipismo&Co

Polo Equestre: Brasil campeão na neve

O time brasileiro de Polo Equestre foi o campeão do Snow Polo World Cup de 2015.

Com uma campanha invicta até o momento, o Brasil chegou à decisão do Campeonato Mundial de Polo Equestre na neve,  como favorito ao título, porém tinha pela frente a forte equipe dos Estados Unidos.

Os brasileiros venceram os Estados Unidos por 11 a 4 e conquistaram pela primeira vez o título do Mundial na Neve. A decisão foi realizada nesse domingo, 08/02, na cidade de Tianjin, na China.

polo equestre

Final – Snow Polo World Cup – Brasil 11 x 04 Estados Unidos – 3×0, 5×2, 11×2 e 11×4

Brasil: Gustavo Garcia 4 (3 gols), Aluísio Villela 7 (3 gols) e Guiga Lins 5 (5 gols)

Estados Unidos: Del Walton 3 (1 gol), Mike Azzaro 7 (1 gol) e Tommy Biddle 6 (1 gol)

Campanha do Brasil na Snow Polo World Cup
Brasil 09 x 01 Canadá
Brasil 05 x 03 Nova Zelândia
Brasil 05 x 04 Inglaterra
Brasil 06 x 06 Hong Kong (vitórias nos pênaltis – quartas de final)
Brasil 09 x 07 Argentina (semifinal)
Brasil 11 x 04 Estados Unidos (final)

polo equestre

 

Fonte e fotos: 30 Jardas

 

 

Morre um dos melhores jogadores de polo do mundo

Na terça-feira (25/02) morreu Carlos Gracia, jogador de polo mexicano, considerado um dos melhores atletas da modalidade.

Gracia que morava em Wellington nos EUA sofreu um acidente durante uma partida, seu cavalo foi atingido por um taco e caiu sobre o jogador. Ele treinou o príncipe Charles, seus filhos William e Harry.

O jogador top em ação
O jogador top em ação
Gracia  ao lado dos príncipes Charles e Harry
Gracia ao lado dos príncipes Charles e Harry

 

 

Você e seu cavalo no Hipismo&Co:
Ana Claudia Marinho Cardoso

A amazona Ana Claudia é a entrevistada da semana aqui no Hipismo&Co.

Pedrita-Pentatlo-(3)

 

Nome:
Ana Claudia Marinho Cardoso

Nome do cavalo:
Príncipe, Big Jump, Fiel, Fada, Lebre e Percanta.

Onde monta:
No momento monto na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN)

Modalidade/altura/categoria:
Pratico principalmente o salto e o polo, mas também pratico o cce e o adestramento.

Quando você começou no hipismo? Você se lembra da primeira vez em uma hípica?
Quando eu era pequena frequentava a fazenda de um avô, onde montava. Aos 5 anos comecei a montar sozinha nesta fazenda, mas só aos 11 anos comecei a fazer aulas de equitação. Morava perto do colégio militar do Rio de Janeiro e vi na rua uma menina com o uniforme de montaria e um capacete debaixo do braço. Fui perguntar pra ela onde ela estava indo montar e ela disse que montava no CMRJ, onde tinha uma escolinha de equitação. No dia seguinte estava levando a minha mãe lá pra fazer minha matrícula. Depois de  alguns anos na escolinha comprei uma égua, daí alguns proprietários começaram a deixar seus cavalos comigo de vez em quando. Aos 18 anos comecei a trabalhar com cavalos de salto e aulas de equitação, só parei quando a faculdade de veterinária realmente começou a tomar tanto meu tempo que eu já não podia mais me comprometer a trabalhar com hipismo, tive que ficar então só com os meus cavalos mesmo, que já me bastam no momento.

Qual foi sua prova inesquecível?
São muitas provas inesquecíveis com muitos cavalos, mas a que eu mais gosto de lembrar foi uma prova em que encarei dois dias de competição com características que não eram as que mais me agradavam. Entrei na prova com uma égua muito amada por mim, mas que era muito pequena (1,48m de altura). No primeiro dia era desempate a 1,20m (eu não gostava porque essa altura é muito forte para ela, que era realmente á pequena). Fui pro desempate e fiquei em segundo lugar. No segundo dia era tabela C (que eu gostava menos ainda porque significava fechar todas as curvas imagináveis e inimagináveis e correr de forma meio kamikaze) e fiquei em primeiro lugar. Por ter encarado bem dois desafios pessoais com uma égua tão pequena e ter tirado boas colocações dentre tantos concorrentes, essa foi a minha prova inesquecível.

Você tem algum ritual antes da prova?
Antes de qualquer prova ou jogo de polo, oro a Deus por proteção. Estamos tão habituados com a prática do hipismo e com os cavalos que às vezes nos esquecemos de quanto o esporte hípico pode se tornar perigoso. Mais do que uma colocação, prezo pelo meu bem estar e dos meus cavalos.

Qual seu concurso preferido no Brasil?
No Brasil acho que o Athina Onassis é preferência nacional né? Mas gosto muito de assistir também os Campeonatos de CCE de 3 estrelas e os torneios de polo de 8 gols pra cima.

Existe alguma prova do qual gostaria muito de participar?
Uma prova em particular não, mas gostaria de participar do Campeonato Brasileiro de Amazonas, do The Best Jump, além de um CCI duas estrelas e de um torneio feminino de polo internacional.

Qual seu ídolo no esporte?
Muitos. Edwina Alexsander com seu cavalo Itot,  sou fã do pequenininho. Mary King, Meredith Michaels, Pippa Funnel, César Almeida, Rodrigo Pessoa, Facundo Pieres. São vários mesmo.

O que você mais gosta no ambiente hípico? E o que você mudaria?
Gosto do contato constante com meus cavalos. Sou o tipo de pessoa que chega na baia, olha, escova, monta, ducha. Gosto dessa intimidade, que se reflete depois nos resultados em pista/campo. Não gosto de pessoas que enxergam o cavalo unicamente como objeto de comércio, pessoas que fazem de tudo pra conseguir um aluno, uma compra, uma venda. A paixão pelo cavalo deve vir em primeiro lugar SEMPRE.

O que o hipismo mudou na sua vida?
Tudo. O hipismo é a minha vida, eu não imagino minha vida sem os cavalos, sem montar todo dia, sem saltar, sem competições hípicas, sem polo, sem tardes gostosas só observando meus cavalos soltos. Esse esporte me proporcionou emoções e aprendizados incríveis que não viriam de outra forma, me proporcionou amizades inigualáveis, me permitiu conhecer o homem da minha vida, meu noivo Henry Cardoso, com quem estarei me casando em breve. Eu não seria eu sem os cavalos e o hipismo.

Você tem algum filme ou música que te inspira nos seus treinos? Qual?
Filmes de cavalos existem muitos, mas como tive por muito tempo uma égua pequena pela qual tive muito amor, acho que o “Seabiscuit” com a história de um cavalo pequeno de tamanho e grande de vontade e coração foi um dos filmes hípicos que mais gostei. Para inspirações de treinos sempre procuro vídeos no YouTube ou livros que dizem respeito a exercícios para saltos, correções diferenciadas para cada detalhe do gesto de salto, para cada dificuldade, vídeos de jogos de polo, que mostram estratégias diferenciadas.

Qual foi o cavalo que mais te deu alegria e porque?
Foi essa égua pequenininha, a Shanna. Ela esteve comigo por quase 9 anos, foi a principal responsável por 80% do meu aprendizado e evolução no hipismo, foi a égua que me abriu portas para montar tantos outros cavalos e poder trabalhar com o esporte. Ela me deu muitas vitórias, desde da série 0,90m até o 1,10m e mesmo algumas no 1,20m.

O que seu cavalo representa para você?
Meus cavalos representam tudo pra mim, sem eles não teria tudo isso de maravilhoso que é o hipismo. Quando você tem carinho por seu cavalo, ele demonstra de volta. Talvez não de forma tão evidente como um cão, mas o cavalo demonstra sim, do jeito dele, o carinho que tem por você. Meus cavalos estão sempre em primeiro lugar, foco sempre na felicidade deles. São criados soltos, em piquetes, formaram um grupo social, são alimentados de acordo com suas necessidades individuais, enfim, tudo do jeito que tem que ser. Quem acha que cavalo é feliz dentro de baia está enganado, cavalos são animais que precisam de liberdade e interação social, a história da evolução do sistema digestivo do equino determina que esteja sempre solto. Por esses motivos, procuro sempre proporcionar isso a eles, afinal, a um animal tão nobre que nos permite montar em seu dorso para praticarmos um hobby do qual tanto gostamos, tem que ser dada a melhor qualidade de vida possível.

Temporada-Sao-Borja-novb-2012-(23) Shanna-(10) Pedrita-1,20-AMAN-junho-2009-(3) Estadual-de-Adestramento-2010-(2) DSC_7181 Cross-(8) _LOP4437 _LOP4412

Veja as outras entrevistas da seção “Você e seu cavalo no Hipismo&Co” aqui.

Se quiser participar dessa seção. Nos envie suas respostas com no mínimo duas fotos para o e-mail contato@hipismoeco.com.br

Fotos: Arquivo Pessoal Ana Claudia Marinho Cardoso

Snow Polo World Cup 2014; Brasil enfrentará o México nas quartas de final

Uma disputa de pênaltis realizada ontem (13/01) definiu os confrontos das quartas de final da Snow Polo World Cup 2014 que está acontecendo na China. Terminando em segundo lugar na Zona 2, o Brasil enfrentará o México na próxima fase. Os duelos acontecem entre quarta e quinta-feira.

O jogo do Brasil contra os mexicanos acontece nessa quarta-feira, 15, a partir das 4h30 da manhã, no horário de Brasília (14h30, hora local). A partir das quartas de final, os jogos serão realizados em quatro tempos.

Quartas de final – Snow Polo World Cup (horários de Brasília)

Quarta-feira 15/01

03h00 – Hong Kong x Estados Unidos

04h30 – Brasil x México

 

Quinta-feira 16/01

03h00 – Nova Zelândia x Chile

04h30 – Inglaterra x França

Renato Junqueira (crédito/30jardas)
Renato Junqueira (crédito/30jardas)

Fonte e foto: 30 Jardas

Equipe brasileira de polo equestre na neve está nas quartas de final do Snow Polo World Cup

Está acontecendo a Snow Polo World Cup 2104 na China e o Brasil está lá muito bem representado pela equipe; Gustavo Garcia, Willian Rodrigues e Renato Junqueira. A competição está sediada no Metropolitan Polo Club na cidade de Tianjin e vai até o dia 19 de janeiro.

A equipe brasileira estreou com vitória sobre a África do Sul no dia 9 de janeiro. No último sábado (11/01) o Brasil foi derrotado nos pênaltis para os Estados Unidos na segunda rodada da Snow Polo World Cup. Hoje (13/01) o Brasil venceu o Canadá e garantiu vaga nas quartas de final. A decisão de pênaltis entre as quatro seleções finalistas será realizada hoje a partir das 23h30, hora de Brasília.

O site 30 Jardas está fazendo um trabalho bem legal divulgando os resultados e também um diário dos jogadores na China. Se você quiser acompanhar o dia dia da equipe do Brasil entra lá no 30 Jardas.

polo_neve1 polo_neve2

Fonte e Fotos: 30 Jardas

Time de polo equestre do Corinthians

Os corintianos apaixonados por cavalos tem mais um motivo para torcer pelo seu time, mas dessa vez será para um time de Polo Equestre, o Corinthians Polo Team.

O surgimento do time de polo do Corinthians aconteceu após uma parceria entre o Sport Club Corinthians Paulista e o empresário Felipe Rodrigues.

No sábado (16/11)  na Argentina, o Corinthians enfrentará o Boca. O duelo de Polo começará às 15h.

Vamos torcer pelo Timão!

polo_corinthians1

Post sugerido por Leonardo Arenzon

Polo Equestre Feminino no Brasil

O Polo Equestre é um esporte que se joga a cavalo, no qual os jogadores se enfrentam golpeando uma pequena bola de plástico ou madeira, com um taco longo, com o objetivo de marcar gols contra a equipe rival.

Pelo Instagram conheci  a Ana Claudia Marinho, jogadora de Polo feminino, ela me contou que no Brasil hoje existem cerca de 50 mulheres praticantes. Que mesmo com a dificuldade de formar equipes para treinar, pois é necessário de no mínimo 7 pessoas e mais de um cavalo por atleta, essas amazonas vem participando de campeonatos pelo pais.

Nos dias 30, 31 de agosto e 1 de setembro irá acontecer o Torneio das Nações, que é exclusivamente feminino. Será em Brasília no Regimento Dragões da Independência.

Segundo Ana Cláudia, que treina polo no Rio de Janeiro, a maioria das mulheres que joga polo começa saltando, por experiência própria, ela diz que ninguém tem como ter noção do quanto o polo é prazeroso até estar jogando. No inicio a questão do taqueio, da montada e equilíbrio diferente, podem ser complicadas, mas com experiência o polo se torna um verdadeiro vício. Ana acredita que um dos motivos que a faz gostar tanto da modalidade é que o salto de uma forma geral é um esporte individual, enquanto que o polo é jogado em equipe, onde cada um tem uma função e trabalhando em conjunto alcançam a vitória.

Adorei saber que essa modalidade tão bonita está crescendo com a ajuda de mulheres apaixonadas por cavalos.
Parabéns pela iniciativa e boa sorte a todas as amazonas no Torneio.

Acessem a FanPage do Polo Feminino Brasileiro no Facebook, para saber mais.

polo+torneio

polo_ana4
polo_ana2

polo_ana1

Hipismo e suas modalidades

Já escutei algumas pessoas dizendo que Hipismo é somente o salto. Por isso resolvi vir aqui e tentar explicar um pouco o que é hipismo e suas modalidade.

No Wikipédia diz: “Hipismo é a arte de montar a cavalo que compreende todas as práticas desportivas que envolvam este animal.”

O hipismo é o esporte equestre, algumas pessoas dividem em clássico e rural. Dentro do esporte tem as modalidades: salto,  adestramento, concurso completo de equitação,  volteio,  enduro, atrelagem, três tambores, 6 balizas, rédeas, laço, polo e outras.

Apenas três modalidades são olímpicas: salto, adestramento e concurso completo de equitação. O salto parece ser o mais conhecido, acho que isso se deve por causa do cavaleiro Rodrigo Pessoa que se destacou em olimpíadas e levou essa modalidade para a mídia. Mas não podemos esquecer das outras que são tão bonitas quanto o salto, cada uma com sua característica e destaque.

Se alguém tiver mais informações sobre o assunto serão muito bem vindas, pois não me considero “expert” no assunto e sempre estou aprendendo coisas novas sobre o mundo dos cavalos.

hipismo

 

Curta a página do Hipismo&Co no Facebook.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...